/
2 Comments











A Infância de Ivan - de Andrei Tarkovsky

Dirigido pelo cultuado diretor russo Andrei Tarkovsky, A Infância de Ivan, produzido em 1962, mostra de forma poética e crua, os horrores da Segunda Guerra Mundial, a partir dos olhos de uma criança.
Ivan é um garoto de 12 anos que após ter a família morta pelos nazistas, se oferece para prestar serviço ao exército russo. Com sua baixa estatura e agilidade, consegue obter importantes informações, atuando como espião contra a invasão alemã.
Porém a presença do garoto ainda que útil, causa um certo desconforto nos oficiais do exército, que não aprovam a “exploração” de menino. Ivan por sua vez, reluta em deixar seu posto, se rebelando ao saber que será enviado a um colégio interno ou a uma escola militar. A questão é que o garoto já não tem nada a perder, sua dedicação em campos de batalha se torna tanto uma obstinação quanto uma fuga de sua realidade solitária. A “Infância” de Ivan à qual o título se refere, na verdade não existe mais a partir do ponto em que este se compromete com a resistência russa.
Em contra partida, ao longo do filme, cenas do que parece ser a real infância de Ivan são intercaladas na história. São tomadas de um tom onírico, executadas com sensibilidade poética, característica de toda a filmografia de Tarkovsky.
Nessas seqüências vemos Ivan junto de sua mãe, ou em momentos mais singelos da vida de uma criança que, no entanto, exprimem enorme simbologia através das coisas mais simples, tal qual as brincadeiras e outras descobertas. De forma subjetiva ficam as possibilidades dessas imagens serem a infância de Ivan antes da guerra, ou a sugestão de como deveria ser a infância do garoto, livre, inocente e longe da crueldade praticada pelo homem.
A direção de Tarkovsky segue sempre num ritmo lento e detalhista, enfocando o drama de cada situação. Variando em tomadas amplas e outras mais fechadas e estáticas, temos a situação de quem observa valorizada e de certa forma facilitada. O roteiro e diálogos movimentam-se numa velocidade que independe do ritmo do filme. Longas cenas sem uma palavra se quer, denotam a realidade dos personagens cansados e desesperançosos, sem que exista a preocupação de preencher “buracos” ou espaços vazios, é justamente no silêncio que a mensagem se torna mais explícita e eficaz.

Ygor MF

Ficha Técnica:
Direção: Andrei Tarkovsky, Eduard Abalov
Ano: 1962
País: União Soviética
Duração: 95 min. / p&b
Título Original: Ivanovo Detstvo
Título em inglês: Childhood of Ivan

Elenco:
Nikolai Grinko,
Irma Raush,
Nikolai Burlyayev,
Valentin Zubkov,
Yevgeni Zharikov,
Stepan Krylov,
Dmitri Milyutenko,
Valentina Malyavina,
Andrei Konchalovsky,
Ivan Savkin






You may also like

Postar um comentário