Imortais

/
1 Comments


Longe de ser um imortal do cinema, o diretor Tarsem Singh recebe novo fôlego com o longa “Imortais” que acaba de estreiar nas telonas, antes desse, Tarsem dirigiu “Duble de Anjo” (2006) e o bom “A Cela” (2000), com estréia já marcada para 2012 “Espelho, meu Espelho” com Julia Roberts é ultimo trabalho do diretor.

 

Passado no ano de 1228 A.C. “Imortais” narra a batalha dos homens liderados pelo rei Hiperion (Mickey Rourke), contra os Deuses. Secretamente sob a tutela de Zeus usando um velho como disfarce, o jovem Teseu representa a única esperança para os Deuses numa guerra na qual a imortalidade desses será ameaçada.

 

Após o lançamento de “300”, “Fúria de Titãs” cuja seqüência estréia esse ano, “Imortais” acrescenta a visita a temas mitológicos, se “Gladiador” de Ridley Scott iniciou uma retomada aos épicos, “Imortais” apenas segue uma nova tendência que embora tenha produzido bons entretenimentos parece ter fôlego breve.

Repleto de ótimos efeitos e seqüências eletrizantes de ação, o filme não trás nada de novo, mas parece cumprir com méritos o seu propósito de entreter.   

 

Ygor MF


Ficha Técnica:

Título original: Immortals

Lançamento: 2011

Direção: Tarsem Singh


Elenco:
Henry Cavill (Theseus)
Freida Pinto (Phaedra)
Mickey Rourke (Rei Hyperion)
Luke Evans (Zeus)
John Hurt (Zeus - mais velho)
Stephen Dorff (Stavros)


You may also like

Postar um comentário