Por que hoje não escrevi Aquele poema... - 003

/
0 Comments
Vitor Camundongo


A luz esquálida... A luz esquálida... A luz!!!
Roubo, latrocínio, sequestro das minhas idéias sem devoluções, sem acordos sem seguros, o poema perdido pra sempre, a boa idéia expulsa, prematura . Aquele poema que parecia estar chegando se apresentando numa sentença geométrica...
Mas não veio, a boa idéia que não se prolonga que evapora  solitária. E repetindo essa observação monótona e fantasmagórica não consegui por hoje escrever aquele poema...  


Vitor Camundongo


You may also like

Postar um comentário