Por que não escrevi aquele poema - 009

/
1 Comments


Porque nem mais punho tenho que me faça
escrever a carta ou o ponto final.
Nem mais pulso fixa o próximo batimento, suspiro
que não mais ao menos, por enquanto encherá o peito de ar.

Cada vez mais branco, pálido, gelado...
Até que uma mão desconhecida de todos os meus planos
desfaz o golpe que mesmo impreciso me levaria a outro lugar,
em outro "sonho" onde talvez pudesse escrever aquele poema...

Victor Camundongo

Veja também:
porque hoje não escrevi aquele poema - 008

porque hoje não escrevi aquele poema - 007

porque hoje não escrevi aquele poema - 006

porque hoje não escrevi aquele poema - 005

porque hoje não escrevi aquele poema - 004

porque hoje não escrevi aquele poema - 003

porque hoje não escrevi aquele poema - 002

porque hoje não escrevi aquele poema - 001


You may also like

Postar um comentário