Fone de Ouvido

/
0 Comments

Com o fone de ouvido insiro trilha sonora no meu dia.
Os pensamentos são flasbacks e o olhar (qualquer olhar)
é corte de video-clipe.
A música que vem do fone dá aos passos ritmo, 
acerta o caminhar desengonçado 
dá velocidade aos pés em ritmo punk-rock.
O beijo do casal acontece em câmera lenta, qualquer gesto mais longo, acenos e abraços possuem agora, DRAMA.
No entanto, o fone de ouvido insere o vácuo em minha mente, ficam suspensos pensamentos, intactos, guardados, esperando que os apanhe novamente.
Com fone de ouvido permaneço introspectivo por horas, dias, meses... 
Com fone de ouvido sou Fred Aistaire, Gene Kelly.
Desvio de poças e buracos como o improviso de Miles ou Parker. Os pés deslizam no chão, esteiras, trilhos, rolimãs ao invés de pés enquanto ouço Daft Punk, Clash ou Cure porque não? 
Pois no meu fone de ouvido cada som obedece ao meu entendimento, ganha o contexto e a lembrança da primeira vez que escutei cada um daqueles sons... Reverbera diferente por aqui... 
A chuva incomoda menos. Diante dos faróis ou transito de gente... 
Tudo se movimenta.
Nem mais o ruído da cidade ou a lamentação das pessoas interfere, sobrepoe-se a alegria musical que ouço enquanto o mundo ao redor permanece chato e em silêncio.


You may also like

Postar um comentário