/
0 Comments

Não Estou Lá

Em I´m Not There, o diretor Todd Haynes mergulha e junto arremessa os espectadores no mundo do astro Bob Dylan. Todd opta por uma “biografia” repleta de peculiaridades. São seis personagens que representam, que são e não são Bob Dylan.
Explicando... A princípio espera-se que “Não estava lá” seja um filme que conte a história de Bob, desde sua origem, suas influências até chegar ao “senhor” de sessenta e tantos anos de hoje. Mostrando fatos importantes que marcaram sua carreira e viriam a marcar o mundo da música e das artes de modo geral. Porém o caminho percorrido pelo longa mostra-se longe do convencional. Arma-se de uma visão e uma demonstração bastante subjetiva, que pede muito ao espectador. São referências distantes que este terá de buscar e construir ao longo dos 135 minutos do filme. História fragmentadas de diferentes personagens que, no entanto, são todos o mesmo Bob Dylan.
Como já foi bem dito, “Eu não estava lá” não é um filme sobre Bob Dylan, mas sobre o artista que Dylan é. E é justamente isso que o diretor e roteirista Todd Haynes quer mostrar, quando interlaca a história de um garoto negro que percorre o país com sua assustadora bagagem musical, ou através da história do jovem compositor de música Folk, o seu sucesso e decadência. Temos ainda um poeta aparentemente interrogado que é Dylan, um músico em turnê por Londres que também é Dylan, aqui na referência mais direta a Bob Dylan, genialmente interpretado por Cate Blanchet, e ainda um famoso ator com problemas conjugais e intelectuais, e por ultimo o “Dylan” mais distante de todos mas não menos Bob Dylan, representado por Billy um caubói solitário.
Todos esses personagens são, em contextos e formas diferentes, tudo o que o músico-poéta-pop-star-roqueiro e profeta Bob Dylan representa. Essa é a linha de pensamento do longa, é o que o torna interessante apesar de difícil. São seis história diferentes, intercaladas que no entanto, falam da mesma pessoa.
O elenco conta com presenças de peso, começando por Cate Blanchet, Chistian Bale, Richard Gere, Heath Ledger, Julianne Moore e outros. A trilha sonora não poderia ser mais caprichada, em certos momentos tem-se a sensação de estar vendo um vídeo-clipe, quando são mostradas cenas e fatos que podem ter dado origem as músicas. Nenhum personagem leva o emblemático nome Bob Dylan, são nomes como John, Jude, Woody, Billy, Arthur que sem muito esforço “disfarçam” o real personagem em questão, criando um clima lúdico e irônico, características que aliás são boa parte do combustível da obra de Bob Dylan.

Ygor Moretti

Ficha Técnica:


Título Original: I'm Not There

Tempo de Duração: 135 minutos

Ano de Lançamento (EUA / Alemanha): 2007


Direção: Todd Haynes

Roteiro: Oren Moverman e Todd Haynes

Fotografia: Edward Lachman


Elenco:


Christian Bale (Bob Dylan / John / Jack)

Cate Blanchett (Bob Dylan / Jude)

Marcus Carl Franklin (Bob Dylan / Woody)

Richard Gere (Bob Dylan / Billy)

Ben Whishaw (Bob Dylan / Arthur)

Heath Ledger (Bob Dylan)



You may also like

Postar um comentário